Africa Oil & Power Conference
Fonte: Africa Oil & Power Conference |

Atribuição de Licenças, a Nova Refinaria Será Exibida no “Africa Oil & Power” 2019

O evento de elite sobre energia dedicou um extenso programa a Angola

Nós testemunhámos uma transformação sísmica positiva na maneira como os negócios estão a ser feitos no sector petrolífero de Angola

CAPE TOWN, África do Sul, 2 de setembro 2019/APO Group/ --

Está agendada a visita da indústria gaso-petrolífera angolana à Cidade do Cabo para a anual Conferência/Feira “Africa Oil & Power”  (https://AfricaOilandPower.com), que acontecerá de 9 a 11 de Outubro de 2019, na Cidade do Cabo. O evento de elite sobre energia dedicou um extenso programa a Angola, incluindo um debate em mesa redonda, um discurso dado pelo orador principal que é alto funcionário do governo, um pavilhão representativo do país no andar da feira e o lançamento oficial do “Africa Energy Series – Angola 2019”.

Após importantes reformas económicas, a indústria gaso-petrolífera angolana está a passar por uma grande revitalização. A 3 de Setembro, o país lançará a primeira parte duma exposição itinerante internacional de forma a promover a atribuição de licenças deste ano. Funcionários do Ministério de Recursos Minerais e Petróleo, da empresa nacional de petróleo Sonangol e da Agência Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis têm presença marcada na Cidade do Cabo, durante a AOP, para apresentar o corrente ciclo de concursos, que inclui 10 blocos terrestres na bacia de Benguela e Namibe. O país também promulgou nova legislação para o desenvolvimento de campos de petróleo marginais, de maneira a monetizar o gás natural e melhorias aos processos de concurso público que os tornam mais transparentes.

“Graças ao tamanho do mercado, prospecção a larga escala e as reformas efectuadas pelo presidente João Lourenço e sua administração, a Angola é não só o mercado de petróleo e gás mais interessante da África mas também um dos mais aliciantes do mundo neste momento”, disse Sergio Pugliese, Presidente da Câmara de Energia Africana em Angola. “Nós testemunhámos uma transformação sísmica positiva na maneira como os negócios estão a ser feitos no sector petrolífero de Angola. A abordagem flexível e orientada para os resultados do ministro Diamantino Azevedo, junto com os novos reguladores sectoriais desencadeou não apenas mais prospecção e actividade do que em anos anteriores, mas também optimismo, que a indústria está, pouco-a-pouco, mas certamente, a caminho de regressar aos níveis de actividade pré 2014. As empresas angolanas estão, em maior número, à procura de parcerias e acordos com outros serviços Africanos e internacionais e empresas de tecnologia, visando servir e apoiar o ressurgimento de actividade. O AOP oferece a plataforma perfeita para selar esses acordos.”

 Com a participação de figuras-chave dessa indústria provenientes de Angola, África do Sul, Senegal, Gambia, Sudão do Sul e Lesoto, o AOP 2019 verá a criação de novas relações comerciais que em última instância serão beneficiais para a indústria petrolífera de África. A CEA apoia as reformas do sector petrolífero em Angola e noutro qualquer lugar e aponta para o Senegal como um excelente exemplo de um emergente mercado de gás e petróleo, atraindo capital exitosamente e com enorme potencial para crescimento.

AOP 2019 cria uma oportunidade para a indústria se juntar com o objectivo de rever e analisar desafios-chave e oportunidades no sector. A Câmara de Energia Africana aplaude e apoia sem reservas esta missão.

Como a voz do sector energético africano e um dos parceiros oficiais do AOP 2019, junto com o Departamento de Recursos Minerais e Energia da África do Sul, a CEA tem o prazer de ser parte de uma narrativa que está determinada em abrir portas para o investimento e em promover a cooperação intra-africana.

Distribuído pela APO Group em nome de Africa Oil & Power Conference.